Início Telemedicina

INCOD APRESENTA TECNOLOGIA DE TELEMEDICINA DURANTE INAUGURAÇÃO DO SISFRON

Na semana passada, 9 de julho, o Sistema de Telemedicina Catarinense foi apresentado junto a inauguração do Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras (SISFRON) em Dourados, Mato Grosso do Sul. A tecnologia de acesso e realização de exames médicos a distância, desenvolvida pelo Instituto Nacional de Convergência Digital (INCoD) na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde de SC, possibilitará o suporte às atividades de Defesa Estratégica das Forças Armadas nas fronteiras do país, além de oferecer serviços de saúde a comunidades isoladas.

O Coordenador Geral do INCoD e também coordenador do Projeto de Telemedicina junto à SES/SC, o Prof. Aldo von Wangenheim apresentou às autoridades presentes as vantagens e possibilidades do emprego de um sistema similar ao desenvolvido em SC e no contexto do SISFRON. Nos mais de 16.000 km de fronteiras onde o SISFRON estará presente, a tecnologia deve otimizar e ampliar o atendimento e a oferta de exames médicos em regiões remotas do Brasil.

Na ocasião também foi entregue a Michel Temer. materiais explicativos sobre a Telemedicina e um DVD institucional. Em entrevista após a apresentação, o presidente salientou que “por meio desta operação cívico-social, milhares de pessoas tiveram pela primeira vez a possibilidade de realizar um exame médico… esses são fatores que enaltecem o sistema”.


Municípios da Região Carbonífera recebem equipamentos de teledermatologia em Criciúma

  Fonte: Jornal A Tribuna


Municípios recebem equipamentos dermatológicos

Desde o início de fevereiro os novos kits dermatológicos vem sendo entregues às Unidades Básicas de Saúde dos municípios catarinenses. A expectativa é que até o fim do ano todas as cidades do Estado possuam o equipamento que possibilita a realização e o diagnóstico de doenças da pele, como o Câncer de Pele. Os profissionais da saúde de cada UBS realizam capacitações para execução e envio de exames dermatológicos. Conheça as cidades que receberam os equipamentos nos últimos dias: Teledermatologia do STT/SC.

 


IF Fonte: Engeplus


 

Gestores apresentam Sistema de Telemedicina em Cricíuma

IF

Fonte: Jornal A Tribuna e Portal Veneza


 

Entrevista sobre os 10 anos da Telemedicina na TVCom

Geraldo Azolini é gerente de regulação da Secretaria de Saúde de SC.


STT ultrapassa o armazenamento de 4 milhões de exames

Prestes a completar 10 anos, o Sistema de Telemedicina e Telessaúde de Santa Catarina ultrapassa o armazenamento de 4 milhões de exames realizados em todos os municípios do estado. Com as modalidades de teletrocardiograma e teledermatologia realizadas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) junto às análises clínicas e exames radiológicos realizados em hospitais, pode-se dizer que o STT já beneficiou mais de 50% da população nos 296 municípios catarinenses. Além do diagnóstico e encaminhamento dos pacientes, por meio do sistema o número de exames médicos impressos e o deslocamento para realização de exames foi reduzido drasticamente com o uso da tecnologia e aplicativos para dispositivos móveis. Outra modalidade do sistema é executado pelo Telessaúde que disponibiliza videoaulas, webconferências e teleconsultorias à profissionais de saúde e usuários do sistema. No mês de abril o número de eletrocardiogramas também atingiu a meta de um milhão de exames laudados pelos médicos do STT.