Teledermatologia recebe 220 kits de equipamentos para ampliação do serviço no estado

Nesta semana o Sistema de Telemedicina e Telessaúde (STT) recebe 220 kits de equipamentos para ampliação do serviço de teledermatologia no estado. Os novos equipamentos começarão a ser distribuídos ainda neste ano nas Unidades Básicas de Saúde (UBS). Atualmente, o serviço é realizado em 85 municípios em 90 pontos de atendimento com uma média mensal de 450 exames. O investimento da Gerência de Atenção Básica na compra dos 220 kits foi de R$305.580.

Além da entrega do kit, nas UBS são realizados treinamentos com agentes de saúde que aplicarão os exames médicos no município. A expectativa é que todas as cidades do estado tenham acesso ao sistema até o final do primeiro semestre online casino de 2015. Apesar de possuir o maior índice de câncer de pele e outras dermatoses do Brasil, o sistema de teledermatologia ainda é pouco conhecido no estado.

O exame é realizado através da captação de imagens de lesões na pele do paciente, que são enviadas ao Portal On-line do STT. O laudo do exame é dado por um médico especialista em até 72 horas. O sistema ainda permite que o paciente acompanhe o processamento do exame on-line ou em seu aparelho mobile.

Câmera fotográfica com dermatoscópio acoplado

Câmera fotográfica com dermatoscópio acoplado